notícias do Brasil e do Mundo

DRTV - RADIO ON LINE AO VIVO

Para pedir sua musica no xat ao vivo acesse: DRTV - RADIO ONLINE - Direção e Apresentação: Dj Dirceu e Rosangela Matos - Jornalista MTB 54903/SP
Um oferecimento de Revista Champagne News
Watch live streaming video from revistachampagnenews at livestream.com

Santa Cruz abre vantagem e fica perto de impedir o hexa do Sport


Tricolor pode levar título pernambucano após cinco anos de domínio do rival


Gilberto festeja o seu golaço (Foto: Agência Estado)
O hexacampeonato do Sport ficou mais difícil após o primeiro confronto decisivo diante do Santa Cruz. Na Ilha do Retiro, casa do Leão, o Tricolor venceu por 2 a 0, golaço de Gilberto e outro de Landu, e pode até perder por um gol de diferença para conquistar o Campeonato Pernambucano após cinco anos de domínio rubro-negro. Antes desta sequência, o campeão foi justamente o Santa Cruz em 2005.
A partida de volta será no próximo domingo, às 16h (de Brasília), no Arruda. Vitória do Santa, empate ou derrota por um gol de diferença garantem a festa para os tricolores. Vitória por 2 a 0 do Sport leva a decisão para os pênaltis. Qualquer outro placar com vantagem de dois gols favorável ao Leão garante a sexta conquista estadual consecutiva.
Sport domina, mas o Santa abre o placar
A final começou quente e a primeira polêmica aconteceu antes do primeiro minuto de partida. Na saída, a bola foi rolada para o zagueiro Thiago Mathias, que, completamente livre na entrada da área, escorregou, Bruno Mineiro fez o desarme, mas, ainda caído, o defensor se jogou nas pernas do atacante do Sport. Falta marcada e muita pressão rubro-negra para que o atleta tricolor fosse expulso por ser o último homem. O árbitro Cláudio Mercante, porém, optou por adverti-lo apenas com o cartão amarelo.
As reclamações do time da casa continuaram aos 11 minutos, quando Bruno Mineiro tentava invadir a área pela direita e teve a camisa puxada. A equipe pediu pênalti, mas apenas a falta foi marcada. Aos 14, o rubro-negro Ciro foi à loucura quando recebeu uma bola na frente e o auxiliar erradamente assinalou impedimento.
Thiago Mathias, que correu o risco de ser expulso com poucos segundos de jogo, continuava sendo alvo de provocação dos rubro-negros e, nervoso, abusou das faltas bobas. Ligado no destempero do seu capitão, o técnico Zé Teodoro achou melhor substituir o atleta por André Oliveira ainda aos 19 minutos do primeiro tempo para não ficar com um jogador a menos.
O Sport dominava a partida, apesar de criar poucas oportunidades reais para abrir o placar. O castigo veio aos 33 minutos numa bomba de fora da área do artilheiro tricolor Gilberto. Ele acertou o ângulo do goleiro Magrão para colocar o Santa Cruz em vantagem. O Leão tentou responder na sequência em chute de Ciro, que Tiago Cardoso espalmou para o lado. Bruno Mineiro pegou o rebote, mas o impedimento já estava marcado.
Por volta dos 40 minutos, um início de confusão entre os atletas poderia ter acabado com alguma expulsão. No empurra-empurra generalizado, o árbitro preferiu escolher o tricolor Mário Lúcio e o rubro-negro Hamilton para distribuir cartões amarelos. Aos 44, Landu, inspirado no companheiro Gilberto, arriscou de longe, mais ou menos do mesmo lugar, e exigiu boa defesa de Magrão.
Etapa movimentada e vantagem maior para o Tricolor
O equilíbrio foi a principal característica do início da etapa final. Aos seis minutos, Gilberto recebeu na frente e teve a chance de aumentar o placar para o Santa, mas mandou para fora. Dois minutos depois, um cruzamento de Renato encontrou Ciro, que subiu livre e exigiu uma defesa firme de Tiago Cardoso.
O ataque aéreo do Sport seguiu aos 16 em cruzamento de Marcelinho Paraíba. Ciro, mais uma vez, pegou bem de cabeça e Tiago Cardoso impediu o empate. No minuto seguinte, uma falta na entrada da área a favor do Santa. Weslley bateu forte e Magrão espalmou para longe.
Na terceira boa chance do Sport no segundo tempo, aos 19, Wellington Saci arriscou de longe um chute cheio de curva, que Tiago Cardoso teve que se contorcer todo para mandar para fora. A resposta desta vez, porém, foi fatal. Renatinho puxou o contra-ataque e deu uma assistência perfeita para Landu fazer 2 a 0 a favor dos visitantes.
Foi uma balde de água fria para a reação do Sport. Desanimado e desorganizado, o time da Ilha do Retiro cedeu o contra-ataque para o rival e Gilberto quase fez o terceiro aos 30 minutos. O atacante chegou a ficar cara a cara com o goleiro Magrão, que impediu o terceiro gol com a perna esquerda. Aos 33, Igor deu bobeira e entregou a bola nos pés do tricolor Thiago Cunha, que desperdiçou o presente rubro-negro.
A última boa chance rubro-negra foi aos 41 minutos com um chute de longe de Wellington Saci. E, como aconteceu durante os 90 minutos, o goleiro Tiago Cardoso defendeu firme sem dar rebote ou chance para que a equipe adversária diminuísse o prejuízo. Experiente, o Santa segurou a posse de bola até o fim para comemorar uma vantagem importantíssima.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Veja também

Notícias mais vistas dos últimos 30 dias

SEGUIDORES ILUSTRES

Pensamento do Dia - colaboração do Leitor do Jornal Cidade em Foco Sr Marcos Roberto SP/SP

O que não te destrói, te fortalece.



Por mais que pareçam difíceis seus problemas, use-os como instrumento a seu favor, um dia verás que conseguiu superar e foi vitorioso. Fique firme, não desista, lute e conquiste, estamos torcendo por você.
Palavras da Redação do Jornal Cidade em Foco

Nossos leitores em 151 países do Mundo - Our readers in 119 countries

Redação - dra.rosangelamatos@hotmail.com

Nossos Seguidores no Twitter @DraRosangelaM

Visitantes

Mural de Recados

"este espaço acima é reservado aos internautas, fiquem a vontade, façam bom uso"