JORNAL CIDADE EM FOCO AZ: 28/02/2011

notícias do Brasil e do Mundo

DRTV - RADIO ON LINE AO VIVO

Para pedir sua musica no xat ao vivo acesse: DRTV - RADIO ONLINE - Direção e Apresentação: Dj Dirceu e Rosangela Matos - Jornalista MTB 54903/SP
Um oferecimento de Revista Champagne News
Watch live streaming video from revistachampagnenews at livestream.com

São Paulo - Princesa Carola Scarpa morre aos 40 anos

Nessa sexta-feira (25), morreu Carola Scarpa. A ex-mulher de Chiquinho Scarpa teve uma parada cardíaca e deu entrada no hospital nessa quarta.

O casamento do playboy Chiquinho Scarpa e de Carola, a "princesa do povo", chegou ao fim em 1999

marcado por escândalos. Na época, Carola foi à imprensa e disse que encontrou o ex na cama com dois homens

No início da relação, em 1997, foram encontrados indícios de que ela era uma garota de programa de luxo

A atriz desfilou pela Império de Casa Verde no Carnaval de 2001

Em 2002, Carola não aguentou a pressão e pediu para sair da "Casa dos Artistas 2"

fonte: 
http://diversao.terra.com.br/gente/fotos/0,,OI148008-EI13419,00-Aos+anos+morre+Carola+Scarpa+em+Sao+Paulo.html

SUL - Ivete Sangalo em Florianópolis - 12 mil pessoas em Porto Belo

Ao som de “Levantou Poeira” a musa baiana Ivete Sangalo encerrou uma das melhores apresentações que realizou no estado de Santa Catarina, em toda sua carreira. Sangalo cantou e dançou para uma platéia de 12 mil pessoas na noite de sexta-feira, no Porto das Águas, durante mais de duas horas, retornando duas vezes ao palco para o “bis”. Ivete pulou, requebrou, conversou com a platéia, com um ânimo invejável que mostrou porque é uma das cantoras mais queridas do Brasil e seguidora de diversos fãs clubes, que estavam representados no show.

Nem mesmo a chuva atrapalhou a apresentação de Ivete que reconheceu no palco para o seu publico que vem mais a Santa Catarina do que a estados próximos da Bahia. “Tenho uma relação muito forte com o povo catarinense e um compromisso marcado todos os meses de novembro, no Folianopolis, a micareta oficial de Santa Catarina”, disse Ivete, após a apresentação. 

O show de Ivete em Porto Belo foi aberto pela cantora catarinense Diana Dias, que fez uma dobradinha com Ivete no trio elétrico da baiana no Folianopolis 2010 e, após, foi convidada a acompanhar de perto o Festival de Verão de Salvador.
Diana já esta recebendo de renomados compositores baianos letras inéditas para ela gravar e logo, logo estará fazendo sua própria gravação. “É um orgulho poder abrir um show que para mim é tão importante, como o da Ivete, que é um ícone do axé brasileiro”, disse Diana. 

A realização do show foi do Grupo All Entretenimento, que é o maior contratante de Ivete no Sul do País e sócio da produtora da baiana Caco de Telha, no evento Folianopolis.  Neste ano ainda a baiana deve retornar ao estado para uma apresentação de sua turnê internacional, inaugurada no show do Madison Square Garden, em Nova York.

No Brasil, este show internacional inicia no mês de junho e logo será divulgada a data de apresentação no estado catarinense.

Diana já esta recebendo de renomados compositores baianos letras inéditas para ela gravar e logo, logo estará fazendo sua própria gravação. “É um orgulho poder abrir um show que para mim é tão importante, como o da Ivete, que é um ícone do axé brasileiro”, disse Diana.

A realização do show foi do Grupo All Entretenimento, que é o maior contratante de Ivete no Sul do País e sócio da produtora da baiana Caco de Telha, no evento Folianopolis. Neste ano ainda a baiana deve retornar ao estado para uma apresentação de sua turnê internacional, inaugurada no show do Madison Square Garden, em Nova York.

No Brasil, este show internacional inicia no mês de junho e logo será divulgada a data de apresentação no estado catarinense.

fonte: http://www.jornalfloripa.com.br/entretenimento/index1.php?pg=verjornalfloripa&id=89

SUL - SC deve ter segundo decreto de calamidade pública por chuvas


A Prefeitura de Benedito Novo, no Médio Vale do Itajaí, a 178 km de Florianópolis, deve decretar nesta segunda-feira estado de calamidade pública em decorrência das enxurradas do fim de semana. É o segundo decreto do tipo em Santa Catarina. O primeiro foi em Mirim Doce (237 km de Florianópolis), em situação de calamidade pública desde 26 de janeiro.

As chuvas da noite de sexta (11) e desta madrugada deixaram isoladas cerca de 50 famílias na Serra do Pinheiro e 25 famílias no Ribeirão dos Russos, na zona rural de Benedito Novo. As estradas de terra de acesso às áreas ficaram interditadas após a queda de barreiras.

Outros cinco bairros tiveram pontos de alagamentos ou deslizamentos: centro, Ribeirão Tigre, Rio Cunha e Santa Rosa. A prefeitura trabalha para liberar áreas afetadas por quedas de barreiras. Além de duas carregadeiras, uma escavadeira hidráulica, quatro retroescavadeiras e três motoniveladores, foram contratadas mais uma escavadeira hidráulica e uma carregadeira terceirizadas, para dar conta do serviço.

A enxurrada carregou ainda duas pontes e deixou oito casas condenadas --seis atingidas por deslizamentos, e duas às margens do ribeirão Tigre, cujas bases foram afetadas pela água. A prefeitura ainda não terminou de contabilizar os estragos e o número de pessoas afetadas.

Segundo o coordenador da Defesa Civil no município, Flávio Holdors, o decreto de calamidade pública permitirá que a prefeitura receba verbas para reparar os danos provocados pelas chuvas. O município estava em situação de emergência há cerca de duas semanas.

"Temos um acumulado [de chuvas] do mês de janeiro. Está muito complicado aqui para o nosso orçamento, que é de R$ 1 milhão por mês, que também é dividido entre salários. Fica difícil. Não sobra verba para fazer o trabalho", afirmou Holdors.

AULAS SUSPENSAS

A chuva afetou outras cidades no Médio Vale do Itajaí. Em Pomerode, as aulas foram suspensas em duas escolas municipais, uma no centro e outra no bairro Pomerode Fundos, ambas alagadas durante as enxurradas do fim de semana.

A chuva continua a cair na cidade nesta segunda. De 0h até 15h, o volume registrado chegou a 90 mm --a média histórica do mês todo de fevereiro é 150 mm. O acumulado no mês já chegou a 267 mm, segundo a Defesa Civil da cidade.

Foram registrados vários pontos de alagamentos, quedas de barreiras e de pontilhões. Quatro comunidades ficaram isoladas, nos bairros Ribeirão Souto, Wunderwald, Ribeirão Herdt e Pomerode Fundos.

A estimativa é de 7.847 pessoas afetadas, 213 delas desalojadas e sete desabrigadas. A estrada de acesso a Jaraguá do Sul, a SC-416, está interditada devido à queda de uma barreira.

Em Timbó, a prefeitura suspendeu o transporte de ônibus para as aulas de cerca de 50 alunos que moram no bairro Mulde, na zona rural, devido ao risco de quedas de barreiras na estrada de acesso. Também foram registrados alagamentos na cidade, em ruas no mesmo nível ou abaixo do nível do rio Benedito.

A Defesa Civil de Rio dos Cedros registrou danos principalmente em estradas de terra, bueiros, pontilhões e na lavoura. A agricultura é uma fonte importante de renda do município, que sofreu prejuízos em plantações de milho, soja e fumo.

EMERGÊNCIA

Segundo boletim da Defesa Civil estadual da última sexta (11), são 106 os municípios em situação de emergência em Santa Catarina --98 por causa de enxurradas, 1 por alagamento, 1 devido a erosão, 1 por praga, 1 devido a ressaca e 4 devido a vendavais.

CFSP

fonte: http://www.jornalfloripa.com.br/cidade/index1.php?pg=verjornalfloripa&id=95

Rios Tietê e Aricanduva transbordam e deixam São Paulo em alerta

Rio Tietê transbordou na altura da ponte Aricanduva. São Paulo tem lentidão acima da média

Alagamento entre as avenidas Paes de Barros e Luiz Ignácio de Anhaia Melo, na Vila Prudente, zona leste da cidade

Alagamento na Marginal Tietê, sob a ponte da Vila Maria
A chuva que atinge a região metropolitana de São Paulo nesta segunda-feira fez os rios Tietê e Aricanduva transbordarem e deixa as zonas norte, centro, leste e sudeste da capital paulista em estado de atenção, informou o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da Prefeitura. A região da Marginal Tietê está em alerta pelo transbordamento do rio na região da ponte Aricanduva. Já as subprefeitura de Mooca, Vila Maria/Vila Guilherme, Santana, Sé, Casa Verde, Freguesia do Ó, Lapa e Aricanduva/ Formosa, da Penha e de Itaquera estão em alerta por conta do transbordamento do rio Aricanduva na altura da av. Aricanduva com av. Itaquera. Neste momento, são 24 pontos de alagamento na cidade. 
A Marginal do Tietê teve duas faixas, na via expressa, interditadas, no sentido Ayrton Senna, próximo à ponte Tatuapé. Na cidade de Santo André, a chuva fez o rio Tamanduateí transbordar, por volta das 17h30, e fecha a avenida dos Estados, segundo a Defesa Civil municipal.
Segundo o Corpo de Bombeiros, mais de 15 pessoas foram resgatadas com os botes na região do Aricanduva. O desabamento de uma parede por causa das chuvas, na avenida Júlio Buono, 1.842, na Vila Gustavo, na zona norte, deixou uma pessoa ferida. Ela foi encaminhada com ferimentos leves ao pronto-socorro Jaçanã.
De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), às 19h55, a cidade tinha 149 quilômetros de lentidão, índice acima da média para o horário. Os piores pontos estão na Marginal Tietê, sentido A. Senna, pista expressa, da ponte Julio de Mesquita Neto até a ponte Aricanduva (12,9 km); na Radial Leste/Oeste, sentido bairro, da rua Divinolândia até o viaduto Pires do Rio (8,4 km); na Radial Leste/Oeste, sentido bairro, do viaduto Pires do Rio até a rua Pinhalzinho (3 km); e na Marginal Tietê, sentido A. Senna, pista expressa, da ponte do Tatuapé até a ponte Aricanduva (2,9 km). O aeroporto de Congonhas, na zona sul, ficou fechado por 13 minutos. 
Alagamento entre as avenidas Paes de Barros e Luiz Ignácio de Anhaia Melo, na Vila Prudente, zona leste da cidade
 
A forte chuva que atingiu região na tarde de domingo provocou novamente alagamentos e transtornos. Pessoas ficaram ilhadas e precisaram ser resgatadas e diversos semáforos deixaram de funcionar na capital paulista. Às 17h, a capital tinha 81 semáforos com problemas.

A Defesa Civil ressalta para a importância da população seguir as orientações do órgão para que vidas sejam preservadas e os desastres evitados. Em caso de trincas, rachaduras, afundamento de solo, o morador deve sair imediatamente do imóvel e acionar a Defesa Civil pelo telefone 199 e o Corpo de Bombeiros 193.
Segundo o CGE, as chuvas que castigam a capital desde o início da tarde começam a diminuir, e conforme imagens de radar, chove moderado apenas em alguns pontos das zonas leste, sul e região central, principalmente entre os bairros de São Miguel Paulista, Itaim Paulista, Itaquera, Guaianazes, Santo Amaro, M'Boi Mirim, Capela do Socorro, Parelheiros, Engenheiro Marsilac, Bela Vista e Sé.
Nos demais bairros da cidade, a precipitação é fraca. Na Grande São Paulo, ainda chove moderado entre São Bernardo do Campo, Santo André, Mairiporã, Santa Isabel e Suzano.
Segundo os meteorologistas do CGE, a previsão é de que as chuvas diminuam ainda mais, mas por conta do grande volume de chuvas registrado nas últimas horas, ainda há potencial para o extravasamento de outros córregos e rios, formação de alagamentos intransitáveis e deslizamentos de terra.

http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/sp/rios+tiete+e+aricanduva+transbordam+e+deixam+sao+paulo+em+alerta/n1238122398266.html

Mulher que morreu após carro cair em córrego voltava de reunião de trabalho

Vítima tinha 62 anos e morreu afogada na tarde deste domingo.
 
A mulher de 62 anos que morreu afogada após o carro que ela dirigia cair em um córrego de Carapicuíba, na Grande São Paulo, na tarde deste domingo ( 27) voltava de uma reunião de trabalho. Ela era aposentada, mas trabalhava como representante comercial e voltava da reunião com um amigo da família. O rapaz de 23 anos conseguiu escapar nadando.
O acidente, que ocorreu pouco antes de 16h, foi na Rua Serra dos Cristais, no bairro Parque Planalto. O motor do carro morreu quando a mulher tentava passar pelas vias alagadas com o temporal que atingia a cidade. Ela passava por uma ponte quando o córrego transbordou e arrastou o veículo.
De acordo com policiais do 1º DP da cidade, o corpo dela foi encontrado a 300 metros do veículo, que chegou a entrar por uma tubulação e sair do outro lado. Os bombeiros tentaram reanimar, em vão, a vítima ainda no local.
O carro foi parar no meio do córrego e ficou destruído, com vidros quebrados, lataria amassada e muito lixo. O veículo vai passar por uma perícia no Instituto de Criminalística
 
fonte: http://orlandiaonline.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=3780:mulher-que-morreu-apos-carro-cair-em-corrego-voltava-de-reuniao-de-trabalho&catid=14:noticias-gerais&Itemid=14

Homem que atropelou ciclistas no RS diz que acelerou para 'evitar linchamento'

Redação SRZD
28/02/2011 19h14
O motorista que atropelou ciclistas durante uma manifestação no bairro de Cidade Baixa, em Porto Alegre (RS), o bancário Ricardo Neis, 47 anos, se apresentou à polícia nesta segunda-feira e afirmou que acelerou o carro para não ser linchado pelos ciclistas.

Cerca de 130 ciclistas participavam de um ato do movimento Massa Crítica quando o motorista, irritado com o bloqueio da via, acelerou em direção aos ciclistas e atingiu cerca de 25 pessoas. Pelo menos sete delas tiveram que ser encaminhadas ao hospital. 

Por volta de 12h, Neis chegou à Delegacia Judiciária de Crimes de Trânsito pelo estacionamento com dois advogados e escoltado por quatro policiais militares. No depoimento, ele contou que estava no carro com o filho de 15 quando os ciclistas começaram a bater no carro e o ameaçar, quebrando vidros, espelho e jogando bicicletas em cima do veículo. Ele ainda afirmou que acelerou em defesa própria e por medo.

Após ser ouvido, o bancário foi liberado com seus dois advogados. Na saída da delegacia, o acusado disse à imprensa que só queria "evitar o linchamento". O delegado responsável pelo caso, Gilberto Almeida Montenegro, não concedeu entrevista e a polícia não informou se vai enquadrar o acusado criminalmente. Ele pode responder por lesão corporal ou por tentativa de homicídio contra os ciclistas.

fontte: http://www.sidneyrezende.com/noticia/123047+homem+que+atropelou+ciclistas+no+rs+diz+que+acelerou+para+evitar+linchamento

Motorista que atropelou ciclistas em Porto Alegre se apresenta à polícia

28/02/2011 16h46
Redação SRZD
O bancário Ricardo Neis, 47 anos, se apresentou à polícia no início da tarde desta segunda-feira e admitiu ser o motorista que atropelou ciclistas durante um protesto em Porto Alegre na noite da última sexta-feira. Ele chegou na Delegacia Judiciária de Crimes de Trânsito pelo estacionamento com dois advogados e escoltado por quatro policiais militares. 

Cerca de 130 ciclistas faziam uma manifestação do movimento Massa Crítica no bairro de Cidade Baixa quando o motorista, irritado com o bloqueio da via, acelerou em direção aos ciclistas e atingiu cerca de 25 pessoas. Pelo menos sete delas tiveram que ser encaminhadas ao hospital.
Um dos advogados do bancário, Luis Fernando Albino, afirmou que ele agiu em legítima defesa. Ele foi procurado pelo cliente no sábado. Albino negociou com o delegado Gilberto Montenegro, que trata do caso, a apresentação do acusado. Segundo Albino, Neis foi ameaçado e teve um dos vidros do seu carro quebrado, o que o fez acelerar para "preservar a integridade física dele e do filho, que tem 15 anos".Ainda de acordo com o advogado, o cliente abandonou o carro pois recebeu uma ligação de um parente, que disse que ele estava sendo perseguido pelos ciclistas e que a perícia da polícia pode comprovar os danos que sofreu.

O bancário ainda está sendo ouvido e, segundo o advogado, está atordoado com o acontecimento. Albino criticou o vídeo divulgado, dizendo que as imagens não mostram todo a confusão e que o atropelamento só ocorreu após desentendimentos com os ciclistas. Cinco vítimas já prestaram depoimentos, onde negaram as ameaças ao motorista.

fonte: http://www.sidneyrezende.com/noticia/123019+motorista+que+atropelou+ciclistas+em+porto+alegre+se+apresenta+a+policia

Motorista atropela ciclistas durante protesto em Porto Alegre

Motorista atropela ciclistas durante protesto em Porto Alegre

Foram divulgadas neste domingo (27) na internet novas imagens do momento em que um motorista em fúria atropelou um grupo de ciclistas em Porto Alegre. O vídeo mostra o instante em que o carro avança sobre as pessoas. Algumas batem no parabrisa e caem no asfalto. Mais de 20 ciclistas foram atropelados, 12 receberam atendimento no hospital. 


fonte: http://www.sidneyrezende.com/noticia/122850+motorista+atropela+ciclistas+durante+protesto+em+porto+alegre

SP Decreta estado de alerta em bairros próximos ao Rio Tietê.

Prefeitura decreta estado de alerta em bairros próximos ao Rio Tietê 

Transbordamentos provocam alagamentos ao longo da Marginal Tietê. Corpo de Bombeiros pede que motoristas evitem a região.

28/02/2011 18h19 - Atualizado em 28/02/2011 18h41
 

  

A Prefeitura de São Paulo colocou em alerta na tarde desta segunda-feira (28) todos os bairros próximos à Marginal Tietê por causa do extravasamento do Rio Tietê próximo à  Ponte do Tatuapé, na Zona Leste. A cidade é atingida por chuvas fortes desde a tarde de domingo (27).

Estavam sob alerta desde as 17h55  as subprefeituras da Mooca, Vila Maria e Vila Guilherme;  Santana; Sé; Casa Verde, Freguesia do Ó; Lapa e a própria Marginal Tietê. Já estavam em alerta as subprefeituras de Aricanduva/ Formosa; Penha e Itaquera, desde as 17h14.

Às 18h10, a cidade de São Paulo registrava 114 km de lentidão, segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET).

A Zona Leste da cidade era a pior região no horário, com 43 km de vias congestionadas. A Marginal Tietê, por conta do transbordamento do rio, apresentava o maior índice de lentidão, com 13 km de congestionamento no setindo Rodovia Ayrton Senna.

Soldados do Corpo de Bombeiros usavam um bote para retirar passageiros de um ônibus parado em meio à enchente perto do Córrego Aricanduva. Em Osasco, as ruas foram tomadas pela água. 
O CGE registrava, às 18h30, 24 pontos de alagamento na cidade.

fonte:http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2011/02/prefeitura-decreta-estado-de-alerta-em-bairros-proximos-ao-rio-tiete.html

CHUVAS - São Paulo entra em alerta

publicado em 28/02/2011 às 17h36



Chuva forte atinge a região do Vale do Anhangabau, no centro de São Paulo

O rio Tietê transbordou na altura da ponte Aricanduva, na zona leste de São Paulo, na tarde desta segunda-feira (28). A chuva também provocou o transbordamento do rio Aricanduva, na zona leste, às 15h14. Com isso, ao menos dez subprefeituras entraram em estado de alerta. São elas: Mooca, Vila Maria / Vila Guilherme, Santana, Sé, Casa Verde, Freguesia do Ó, Lapa, Arincaduva, Vila Formosa e Penha.

Segundo o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências), apesar de o Tietê ter transbordado apenas em um ponto, todo o rio estava próximo de transbordamento, em uma "situação crítica". Por isso, todas as regiões próximas à margem também foram colocadas em alerta.

O órgão decretou estado de atenção na cidade de São Paulo nas regiões norte, centro e leste e marginal Tietê às 14h35 desta segunda-feira (28). Às 15h40, a região sudeste foi colocada nessa condição. A situação é decretada quando há risco de alagamentos na cidade.

Até as 18h30, havia 24 pontos de alagamento na cidade. Destes, 15 eram considerados intransitáveis.

Ilhados
De acordo com o Corpo de Bombeiros, um grupo de pessoas ficou ilhado dentro de uma lotação na região do Carrão, próximo à avenida Aricanduva, na zona leste. O helicóptero Águia 10, da Polícia Militar, foi acionado para fazer o resgate das vítimas.

Trânsito

Por causa da chuva, o trânsito ficou acima da média na capital na tarde desta segunda. Às 17h30, a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) registrava 77 km de lentidão nos 868 km monitorados pelo órgão - o que representa 7,7% do total. Para esse horário, era esperado um trânsito com 54 km (6,6%) de lentidão. O órgão registrava ainda 44 semáforos apagados e outros 37 no amarelo piscante.

fonte: http://noticias.r7.com/sao-paulo/noticias/corrego-transborda-e-regiao-da-zona-leste-entra-em-alerta-20110228.html

Veja também

Notícias mais vistas dos últimos 30 dias

SEGUIDORES ILUSTRES

Pensamento do Dia - colaboração do Leitor do Jornal Cidade em Foco Sr Marcos Roberto SP/SP

O que não te destrói, te fortalece.



Por mais que pareçam difíceis seus problemas, use-os como instrumento a seu favor, um dia verás que conseguiu superar e foi vitorioso. Fique firme, não desista, lute e conquiste, estamos torcendo por você.
Palavras da Redação do Jornal Cidade em Foco

Nossos leitores em 151 países do Mundo - Our readers in 119 countries

Redação - dra.rosangelamatos@hotmail.com

Nossos Seguidores no Twitter @DraRosangelaM

Visitantes

Mural de Recados

"este espaço acima é reservado aos internautas, fiquem a vontade, façam bom uso"