JORNAL CIDADE EM FOCO AZ: Câmara vota afrouxamento de regras para obras da Copa

notícias do Brasil e do Mundo

DRTV - RADIO ON LINE AO VIVO

Para pedir sua musica no xat ao vivo acesse: DRTV - RADIO ONLINE - Direção e Apresentação: Dj Dirceu e Rosangela Matos - Jornalista MTB 54903/SP
Um oferecimento de Revista Champagne News
Watch live streaming video from revistachampagnenews at livestream.com

Câmara vota afrouxamento de regras para obras da Copa

Marco Maia, prometeu à ministra Ideli Salvatti aprovação nesta quarta (Fabio Rodrigues-Pozzebom/ABr)


Regime Diferenciado de Contratações dispensa de licitação parte dos projetos para o evento esportivo; texto foi enxertado em uma medida provisória


A Câmara dos Deputados vota nesta quarta-feita a criação do Regime Diferenciado de Contratações (RDC), proposta do governo para afrouxar as regras para as licitações da Copa do Mundo e para as Olimpíadas. Para pressionar os parlamentares a aprovar o projeto, o Executivo argumenta que esse seria o único jeito de concluir a tempo as obras para os campeonatos.



O presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), prometeu pela manhã à nova ministra da Secretaria das Relações Institucionais (SRI), Ideli Salvatti, que fará o possível para aprovar o regime ainda nesta quarta. Segundo ele, a base votará unida e a única resistência virá da oposição, minoria na Casa. 
 
Projeto básico - O regime diferenciado prevê a criação da modalidade de contratação integrada, em que a empresa vencedora da licitação é responsável também por fazer o projeto básico da obra, algo atualmente a cargo do governo. O projeto básico consiste no detalhamento da construção, com estudos de viabilidade técnica e de impacto ambiental. Um custo e um esforço que o governo delega agora aos licitantes.
 
A proposta cria ainda novos critérios de julgamento, além do menor preço, para a escolha de uma empresa. O vencedor pode ser também aquele que oferecer o maior desconto, a melhor combinação de técnica e preço, o maior lance ou o maior retorno econômico para os cofres públicos. A inovação dá poder ao governo de fazer uma seleção mais subjetiva e, por isso, mais flexível.

fonte: http://veja.abril.com.br/noticia/brasil/camara-vota-afrouxamento-de-regras-para-obras-da-copa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Veja também

Notícias mais vistas dos últimos 30 dias

SEGUIDORES ILUSTRES

Pensamento do Dia - colaboração do Leitor do Jornal Cidade em Foco Sr Marcos Roberto SP/SP

O que não te destrói, te fortalece.



Por mais que pareçam difíceis seus problemas, use-os como instrumento a seu favor, um dia verás que conseguiu superar e foi vitorioso. Fique firme, não desista, lute e conquiste, estamos torcendo por você.
Palavras da Redação do Jornal Cidade em Foco

Nossos leitores em 151 países do Mundo - Our readers in 119 countries

Redação - dra.rosangelamatos@hotmail.com

Nossos Seguidores no Twitter @DraRosangelaM

Visitantes

Mural de Recados

"este espaço acima é reservado aos internautas, fiquem a vontade, façam bom uso"