notícias do Brasil e do Mundo

DRTV - RADIO ON LINE AO VIVO

Para pedir sua musica no xat ao vivo acesse: DRTV - RADIO ONLINE - Direção e Apresentação: Dj Dirceu e Rosangela Matos - Jornalista MTB 54903/SP
Um oferecimento de Revista Champagne News
Watch live streaming video from revistachampagnenews at livestream.com

Parlamento Europeu pede que Brasil revise decisão sobre Battisti


20 de janeiro de 2011  15h31  atualizado às 16h12

Foto. AFP
O ex-presidente Lula decidiu não extraditar o italiano
O Parlamento Europeu pediu nesta quinta-feira ao Brasil que "revise sua decisão" de não extraditar o ex-ativista Cesare Battisti para a Itália, conforme solicitação do governo italiano, em uma resolução adotada durante sessão plenária em Estrasburgo, na França. Os eurodeputados apelaram para que o País "considere a nova solicitação do governo italiano de revisar a extradição de Cesare Battisti" e estude "formas de garantir a correta interpretação do Tratado de Extradição", segundo o texto aprovado por 83 votos a favor, 1 contra e duas abstenções.
Em 31 de dezembro de 2010, seu último dia de governo, o então presidente Luiz Inácio Lula da Silva decidiu negar o pedido de extradição feito pela Itália por Battisti, ex-militante da extrema esquerda. A decisão de Lula foi tomada mais de um ano após o Supremo Tribunal Federal (STF) autorizar, por cinco votos a quatro, a extradição do italiano. A Corte, no entanto, deixou a palavra final sobre o assunto para Lula.
Após a decisão do ex-presidente, a defesa de Battisti entrou com um pedido de soltura no STF, mas o governo italiano pediu ao Tribunal o indeferimento da petição, alegando "absoluta falta de apoio legal" no pedido. O presidente da Corte, Cezar Peluso, então, negou a soltura imediata e determinou que os autos fossem encaminhados ao relator do caso, ministro Gilmar Mendes, que só retornará após o recesso do Judiciário, em fevereiro.
Battisti, considerado um terrorista por Roma, foi condenado à revelia por assassinatos na Itália. Ele nega todas as acusações e alega perseguição política. O ex-ativista fugiu em 1981 para a França, que acolheu italianos sob a condição de que abandonassem a luta armada. Ele deixou a França em 2007, após a revogação de sua condição de refugiado, e veio definitivamente para o Brasil, onde recebeu do então ministro da Justiça, Tarso Genro, o status de refugiado político.

Veja também

Notícias mais vistas dos últimos 30 dias

SEGUIDORES ILUSTRES

Pensamento do Dia - colaboração do Leitor do Jornal Cidade em Foco Sr Marcos Roberto SP/SP

O que não te destrói, te fortalece.



Por mais que pareçam difíceis seus problemas, use-os como instrumento a seu favor, um dia verás que conseguiu superar e foi vitorioso. Fique firme, não desista, lute e conquiste, estamos torcendo por você.
Palavras da Redação do Jornal Cidade em Foco

Nossos leitores em 151 países do Mundo - Our readers in 119 countries

Redação - dra.rosangelamatos@hotmail.com

Nossos Seguidores no Twitter @DraRosangelaM

Visitantes

Mural de Recados

"este espaço acima é reservado aos internautas, fiquem a vontade, façam bom uso"