JORNAL CIDADE EM FOCO AZ: Governo sírio amplia anistia para conter revolta, mas manifestantes vão às ruas

notícias do Brasil e do Mundo

DRTV - RADIO ON LINE AO VIVO

Para pedir sua musica no xat ao vivo acesse: DRTV - RADIO ONLINE - Direção e Apresentação: Dj Dirceu e Rosangela Matos - Jornalista MTB 54903/SP
Um oferecimento de Revista Champagne News
Watch live streaming video from revistachampagnenews at livestream.com

Governo sírio amplia anistia para conter revolta, mas manifestantes vão às ruas

21.06.2011/AFP
Foto divilgado pelo governo mostra milhares na capital síria em manifestação a favor do presidente; trabalho da mídia estrangeira no país é limitado por conta de restrições do regime de Al Assad

Revolta popular no país já dura três meses contra governo autocrático de Al Assad


O presidente sírio, Bashar al Assad, anunciou uma anistia geral nesta terça-feira (21), um dia depois de ter feito vagas promessas de reformas para conter a revolta popular que já dura três meses contra seu governo autocrático.



Ativistas e analistas minimizaram as promessas feitas por Assad nesta segunda-feira (20), por considerarem que ele não atendeu às reivindicações dos manifestantes, que desafiam uma dura repressão militar realizando protestos por mais liberdade, no maior desafio ao presidente em seus 11 anos no poder.
A anistia, a segunda do tipo nas últimas três semanas, se estende a qualquer pessoa que tenha cometido crimes até 20 de junho, disse a agência estatal Sana.
Depois da primeira anistia, as autoridades sírias libertaram centenas de prisioneiros políticos, mas grupos de defesa dos direitos humanos afirmaram que ainda havia milhares definhando nas celas do país.
Assad declarou ontem que iria pedir ao Ministério da Justiça que examinasse a ampliação do perdão porque, segundo reuniões que havia mantido com líderes locais, ele "sentiu que a primeira anistia não foi satisfatória para muitos ... e há ainda um desejo de que esta [segunda] anistia seja mais abrangente".
A TV estatal mostrou concentrações populares pró-governo em Aleppo, Damasco e Deraa, cidade do sul onde despontaram os protestos contra Assad, em meados de março. Os participantes agitavam bandeiras do país e retratos do presidente, e lançaram para o ar bolas de gás nas cores nacionais.
Testemunhas em Deraa disseram que as forças de segurança abriram fogo para dispersar milhares de pessoas num protesto antigoverno na parte antiga da cidade. Eles saíram às ruas em resposta à concentração pró-Assad no bairro de Mahatta.
Segundo os grupos contra o regime, funcionários públicos e membros das Forças Armadas em trajes civis receberam ordens de ir à manifestação pró-Assad.


fontehttp://noticias.r7.com/internacional/noticias/governo-sirio-amplia-anistia-para-conter-revolta-mas-manifestantes-vao-as-ruas-20110621.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Veja também

Notícias mais vistas dos últimos 30 dias

SEGUIDORES ILUSTRES

Pensamento do Dia - colaboração do Leitor do Jornal Cidade em Foco Sr Marcos Roberto SP/SP

O que não te destrói, te fortalece.



Por mais que pareçam difíceis seus problemas, use-os como instrumento a seu favor, um dia verás que conseguiu superar e foi vitorioso. Fique firme, não desista, lute e conquiste, estamos torcendo por você.
Palavras da Redação do Jornal Cidade em Foco

Nossos leitores em 151 países do Mundo - Our readers in 119 countries

Redação - dra.rosangelamatos@hotmail.com

Nossos Seguidores no Twitter @DraRosangelaM

Visitantes

Mural de Recados

"este espaço acima é reservado aos internautas, fiquem a vontade, façam bom uso"