JORNAL CIDADE EM FOCO AZ: Aprovação de plano nos EUA diminui incerteza, diz Fazenda

notícias do Brasil e do Mundo

DRTV - RADIO ON LINE AO VIVO

Para pedir sua musica no xat ao vivo acesse: DRTV - RADIO ONLINE - Direção e Apresentação: Dj Dirceu e Rosangela Matos - Jornalista MTB 54903/SP
Um oferecimento de Revista Champagne News
Watch live streaming video from revistachampagnenews at livestream.com

Aprovação de plano nos EUA diminui incerteza, diz Fazenda


Nelson Barbosa, da Fazenda, avalia que medida resolve impasse político.
Plano, porém, implica em política de gastos públicos mais 'restritiva', diz.


Alexandro MartelloDo G1, em Brasília
O secretário-executivo do Ministério da Fazenda, Nelson Barbosa, avaliou nesta terça-feira (2) que a aprovação do plano bipartidário pelo Senado norte-americano, permitindo a elevação do teto da dívida daquele país, resolve o "impasse político" que existia e deixa claro que não haverá uma "solução radical" (calote).
"Então diminui a incerteza. Mas a medida implica que a política fiscal americana tende a ser mais restritiva (com menos gastos públicos) ou menos expansionista. Uma política fiscal mais restritiva, ou menos expansionista que você queira colocar, pode ter que contar por mais tempo com o estímulo monetário. Com a manutenção de uma taxa de juros mais baixa. A taxa de juros mais baixa tem os impactos que a gente ta vendo sobre a liquidez internacional, taxa de câmbio e commodities", declarou Barbosa a jornalistas.
Com juros baixos nos Estados Unidos, os investidores internacionais tendem a buscar por remunerações mais atrativas em outros países. O Brasil, por sua vez, tem a taxa de juros real (após o abatimento da inflação prevista para os próximos doze meses) mais alta do mundo, ao redor de 6% ao ano. Com isso, tem atraído capitais, o que pressiona para baixo o dólar e, por consequência, diminui a competitividade das empresas brasileiras.
Justamente para compensar o dólar baixo, o governo brasileiro anunciou nesta terça-feira umplano de estímulo à competitividade das empresas, com medidas de desoneração, recuperação mais rápida de créditos tributários, desoneração da folha de pagamentos para alguns setores e medidas de defesa comercial, entre outras.
fonte G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Veja também

Notícias mais vistas dos últimos 30 dias

SEGUIDORES ILUSTRES

Pensamento do Dia - colaboração do Leitor do Jornal Cidade em Foco Sr Marcos Roberto SP/SP

O que não te destrói, te fortalece.



Por mais que pareçam difíceis seus problemas, use-os como instrumento a seu favor, um dia verás que conseguiu superar e foi vitorioso. Fique firme, não desista, lute e conquiste, estamos torcendo por você.
Palavras da Redação do Jornal Cidade em Foco

Nossos leitores em 151 países do Mundo - Our readers in 119 countries

Redação - dra.rosangelamatos@hotmail.com

Nossos Seguidores no Twitter @DraRosangelaM

Visitantes

Mural de Recados

"este espaço acima é reservado aos internautas, fiquem a vontade, façam bom uso"