notícias do Brasil e do Mundo

DRTV - RADIO ON LINE AO VIVO

Para pedir sua musica no xat ao vivo acesse: DRTV - RADIO ONLINE - Direção e Apresentação: Dj Dirceu e Rosangela Matos - Jornalista MTB 54903/SP
Um oferecimento de Revista Champagne News
Watch live streaming video from revistachampagnenews at livestream.com

Chávez perde influência na América Latina

imagem: owurman.com

Com problemas econômicos e políticos em casa, venezuelano não consegue bancar projetos ambiciosos na região, como refinaria em Pernambuco

Juan Forero, do The Washington Post - O Estado de S.Paulo
No Nordeste do Brasil, o presidente venezuelano, Hugo Chávez, sonhou em construir uma refinaria de petróleo e batizá-la de "José Inácio de Abreu e Lima" - nome do aventureiro brasileiro que lutou pela independência da Venezuela. Em visita à cidade, Chávez disse que essa joint venture entre Caracas e Brasília uniria a América Latina contra um comum adversário: os EUA.

A refinaria, cuja construção tem valor estimado em US$ 15 bilhões, deve ser concluída em dois anos, mas recebe poucas contribuições da Venezuela.
Temperamental, Chávez durante anos apoiou projetos na região numa tentativa de levar a Venezuela à vanguarda de uma nova era na América Latina. Mas sua influência fora de seu país está minguando, enquanto crescem as preocupações com a economia venezuelana - alicerçada principalmente no petróleo - e com seu estilo de governo, sobretudo após as recentes detenções de seus opositores.

Acentuada desde 2009, quando a economia venezuelana começou a se enfraquecer, a reviravolta parece chocante se comparada aos dias em que Chávez circulava pela América do Sul fazendo inflamados discursos antiamericanos e inaugurando obras cuja construção fora financiada por petrodólares.

"Ele não está na crista da onda como há dois anos", disse Luiz Felipe Lampreia, ex-chanceler brasileiro. "Acho que está perdendo sua capacidade de influenciar os outros e liderar, mesmo entre seus próprios amigos." 

Silenciosa e discretamente, alguns dos maiores projetos do populista venezuelano foram abandonados ou esquecidos, ou ainda nem decolaram, entre eles um oleoduto da Venezuela à Argentina, um banco de desenvolvimento sul-americano, projetos habitacionais, estradas e um fundo continental de investimento.

Não se sabe por que alguns projetos foram descartados. Os porta-vozes do governo venezuelano não responderam aos pedidos de entrevista. / TRADUÇÃO DE AUGUSTO CALIL E CELSO PACIORNIK 

fonte:http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20110522/not_imp722449,0.php 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Veja também

Notícias mais vistas dos últimos 30 dias

SEGUIDORES ILUSTRES

Pensamento do Dia - colaboração do Leitor do Jornal Cidade em Foco Sr Marcos Roberto SP/SP

O que não te destrói, te fortalece.



Por mais que pareçam difíceis seus problemas, use-os como instrumento a seu favor, um dia verás que conseguiu superar e foi vitorioso. Fique firme, não desista, lute e conquiste, estamos torcendo por você.
Palavras da Redação do Jornal Cidade em Foco

Nossos leitores em 151 países do Mundo - Our readers in 119 countries

Redação - dra.rosangelamatos@hotmail.com

Nossos Seguidores no Twitter @DraRosangelaM

Visitantes

Mural de Recados

"este espaço acima é reservado aos internautas, fiquem a vontade, façam bom uso"